Pichorra: o que é, como fazer um modelo fácil e divertido

fotos de pichorras

A pichorra é uma brincadeira maravilhosa, conhecida também pelo nome de pinhata.

O mais importante na diversão com a pichorra é saber que ela guarda itens atrativos, como doces, brinquedos e/ou premiações.

Geralmente, essa peça faz parte da festa de aniversário infantil, mas pode estar presente em outras ocasiões. Afinal, não tem idade, nem existe um lugar mais adequado para usar e se divertir com a pinhata.

o que é Pichorra
Foto: The Spruce Crafts

Além disso, ela pode estar nas comemorações de Natal, Páscoa e até em festas de Ano Novo. Desde a sua origem, ela é confeccionada para diferentes propósitos e tem formas de decorações distintas também.

Veja como fazer e saiba mais sobre os detalhes dessa brincadeira de criança, tipos de pichorra mais usados e muito mais.

O que é pichorra (ou pinhata)? 

Essa peça faz parte de uma brincadeira infantil, e é confeccionada como um grande “pote” para ser quebrado. 

Pichorra ou pinhata fantasma

A brincadeira consiste em fazer com que uma criança vendada tente arrebentar a pichorra recheada de doces.

Quando a pichorra (ou pinhata) se quebra, os doces caem, porque ela está pendurada no teto e, assim, a criançada avança para pegar o que puder.

unicornio
Foto: @mel_dreams_art

Além de doces, pode haver surpresinhas como, pequenos brinquedos, prêmios ou até doces falsos. É possível rechear a pichorra com o que quiser, inclusive, com artigos maiores ou, apenas, um único objeto.

Até porque a brincadeira não precisa acontecer somente para o público infantil, os adultos também podem aproveitar para se divertirem.

foguete
Foto: @tquieropinhatas

Existem diferentes pinhatas/pichorras que possuem estilos e decorações específicas para cada ocasião.

Origem e significado do nome pichorra 

Pichorra, como se sabe, é sinônimo de pinhata ou piñata, uma palavra de origem italiana que significa pote frágil.

significado do nome pichorra 
Foto: @tquieropinhatas

No italiano a palavra é “pignatta” e as primeiras foram feitas como potes enfeitados, recheados com doces. A brincadeira com a pinhata se popularizou na região ibérica (Portugal-Espanha), ganhando destaque na América Latina e, especialmente, no México.

pichorra para festa
Foto: @partyboutiqueinnsbruck

Contudo, sabe-se também que a pichorra já existia no oriente e não era usada para o entretenimento infantil, mas, sim, para rituais de passagem.

Ela era usada, por exemplo, na passagem da Primavera para o Ano Novo chinês, em uma grande comemoração pagã.

O que colocar dentro de uma pichorra? 

Se for fazer uma pichorra para crianças, é bastante comum usar doces e brinquedos. Contudo, existem diferentes modelos e estilos.

pinhata de puxar

Ela pode conter papel picado, premiações, fotos e/ou revelações específicas para ocasiões entre adolescentes e/ou adultos.

Pichorra para festa 

É muito comum usar a pichorra em festas de aniversário, entre outras confraternizações.

Pichorra para festa arco iris
Foto: @pinhatas.pt

O ideal é saber qual o modelo mais adequado à cada ocasião e garantir o sucesso da brincadeira a depender do público. Conheça alguns modelos utilizados nas festas:

Unicórnio 

A pinhata de unicórnio é ótima para as festas infantis, principalmente para as festas com decorações delicadas e singelas.

unicornio
Foto: @mi_mics

O unicórnio combina com eventos que tenham a temática do arco-íris também, promovendo muita alegria através das cores e da própria simbologia.

De puxar 

A pinhata de puxar é quebrada quando um cordão é puxado para baixo.

para festa de aniversario
Foto: Party Camel

É um outro jeito de se divertir com a pichorra, sem o risco de machucar ninguém ou quebrar outra coisa que não seja essa peça.

Dinossauro 

O dinossauro é uma figura intrigante e divertida, perfeita para compor temáticas que envolvam a ficção científica ou a pré-história.

Dinossauro 
Foto: Etsy

É um modelo de pichorra bem comum em festas de aniversário para crianças e pode possuir vários formatos.

Lhama 

A pinhata de lhama pode ser muito ou pouco colorida, os detalhes dependem das preferências de cada um.

Lhama 
Foto: The Brookhaven House

Lembre-se que a lhama é um animal comum no Peru, Chile, Bolívia e Argentina, e tem tudo a ver com essa cultura da pinhata bastante comum aqui, na América do Sul.

Cavalo 

O Brasil está entre os dez países com mais cavalos no mundo, portanto, esse animal é bastante conhecido e faz parte do cotidiano dos brasileiros.

Cavalo 
Foto: The Daily Meal

Esse animal pode ser homenageado de muitos jeitos, reproduzindo sua imagem de maneira realista ou mais lúdica.

Como fazer pichorra passo a passo 

Sua pichorra pode ser decorada de muitas formas, mas agora preste atenção em como fazer um modelo fácil e divertido.

Como fazer pichorra passo a passo 
Foto: Honestly WTF

Veja a lista de materiais utilizados nesse passo a passo super fácil:

  • 1 balão grande
  • Cola branca
  • Maisena
  • Água
  • Jornal
  • Papel cartão
  • Papel crepom (várias cores)
  • Tesoura
  • Cola quente

Veja como fazer seguindo as dicas da Paula Stephânia:

Passo 1

Encha o balão/bexiga até o tamanho que deseja para a sua pinhata.

Passo 2

Misture a cola branca e a água, em quantidades iguais, acrescentando também duas colheres de sopa de maisena. Reserve essa mistura.

Passo 3

Corte várias tiras de jornal e comece a passar uma tira de jornal de cada vez, na vasilha com a mistura de cola, água e maisena, para colar as tiras de jornal na superfície externa do balão.

Faça duas camadas bem resistentes e espere secar. Se preferir, use um secador para secar mais rápido nessa primeira etapa.

Passo 4

Cole e faça mais duas camadas de jornal, deixando a peça no sol para secar bem.

Se perceber que as quatro camadas de jornal foram suficientes para deixar a superfície firme, estoure o balão por dentro.

Passo 5 

Faça um buraco em cima para facilitar a entrada dos doces ou outras surpresinhas.

Também faça quatro buracos para passar o barbante depois, assim, vai ser possível pendurar a pichorra e equilibrar o peso dos doces.

Passo 6

Antes de pendurá-la, comece a confeccionar os itens decorativos.

Inicie fazendo um triângulo com o papel cartão e cortando uma tira de papel crepom para repicar.

Para repicar o crepom, basta dobrar a tira no meio e cortar várias tiras finas que vão da ponta até 2 centímetros antes da dobra.

Assim, enrole essa tira de crepom até ficar como um canudinho e cole na ponta do triângulo feito em papel cartão. Cole as bordas do triângulo para formar um cone e faça vários outros cones dessa forma.

Decore os cones com tiras de papel crepom em várias cores, repicando as pontas para fazer uma espécie de franjinha. Cole cada tira em volta do cone para enfeitá-lo.

Passo 7

Antes de colar os cones na pinhata, o ideal é pendurá-la primeiro, colocando os doces por dentro e amarrando os barbantes com firmeza.

Só depois cole os cones enfeitados e faça bolinhas amassadas de crepom para decorar os espaços vazios ou, apenas, pinte para esconder o jornal.

Além de servir como brincadeira, a pichorra acaba fazendo parte da decoração.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *