Máscara de neoprene é eficaz contra o coronavírus?

Será que todo tecido por ser usado para confecção da máscara? A máscara de neoprene é eficaz para prevenção da Covid-19?

O tecido neoprene é composto por borracha sintética, sendo bastante conhecido na área esportiva.

Muito usado por surfistas e mergulhadores, o tecido aumentou sua popularidade durante essa pandemia, para confecção de máscaras.

Veja a seguir as principais características do neoprene, sua composição e se ele pode ser usado para proteção contra o vírus.

mascara neoprene

O que é um tecido Neoprene?

O tecido neoprene é composto por uma borracha sintética de policloropreno dublado com tecido de helanca.

Leia também sobre máscara com protetor de olhos.

tecido neotecido neopreneprene
(Foto: laserbox)

Pois é, se você ainda não entendeu o que é um tecido neoprene, saiba que ele recebe um tratamento de malha.

O grande exemplo de uso do neoprene está nas práticas de mergulho, cujas roupas são feitas com esse material, principalmente, porque ele supre as necessidades de impermeabilidade e de proteção à temperatura, funcionando como isolante térmico.

Outros diferenciais do neoprene correspondem à sua versatilidade, durabilidade e elasticidade.

Ele também não amassa, não marca o corpo e é confortável. Já é usado em diferentes peças de roupas e acessórios, como vestidos, camisetas, calçados e lancheiras.

 A máscara de Neoprene é eficaz contra o Covid-19?

De acordo com o Ministério da Saúde, a máscara de neoprene auxilia na prevenção contra o coronavírus. O órgão recomenda o uso de máscaras de caseiras “em tecido de algodão, tricoline, TNT ou outros tecidos, desde que desenhadas e higienizadas corretamente“. Portanto, neoprene está relacionado entre os tecidos de proteção.

O órgão ainda recomenda: “O importante é que a máscara seja feita nas medidas corretas cobrindo totalmente a boca e nariz e que estejam bem ajustadas ao rosto, sem deixar espaços nas laterais.”

Ela tem boa aceitação devido à sua eficácia e conforto, pois se adapta bem ao rosto, além de ser durável e lavável.

mascaras de neoprene
(Foto: Etsy)

De modo geral, algumas máscaras de pano são recomendadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde, mas elas precisam seguir algumas especificações.

As máscaras de pano precisam ter no mínimo duas camadas de tecido, cobrir o nariz e a boca, serem trocadas quando ficarem úmidas e terem uma higienização adequada.

A lavagem deve deixar a máscara de molho por cerca de 20 minutos no sabão ou na água sanitária.

Aprenda também como fazer máscara com meia.

Diferentes tecidos podem ser usados, desde que sirvam como uma barreira física, filtrando a passagem de ar, mas sem prejudicar a respiração.

No entanto, sua eficácia depende da higiene regular das mãos (dedos, unhas, punho, palma e dorso), seja com água e sabão ou álcool 70% em gel.

O cloro (água sanitária) ou o álcool 70% em gel podem ser usados para limpar também superfícies sólidas por onde o vírus pode se instalar entre 1 a 5 dias, como madeira, plástico, metal, vidro, etc.

O uso da máscara de tecido é fundamental, especialmente porque as máscaras cirúrgicas e N95 estão em falta e precisam ser destinadas aos profissionais de saúde, aos doentes e aos responsáveis pelos doentes.

Assim, cada um faz a sua parte, o tecido de uma roupa que você tem, seja de neoprene ou de outro material adequado, já pode servir para você fazer a sua própria máscara de proteção!

Modelos de máscara de Neoprene

conjunto de mascara
(Foto: @urbainpa)
mascara bico de pato
(Foto: Etsy)
mascara de neoprene
(Foto: Etsy)
mascara de proteção feita de neoprene
(Foto: Etsy)
mascaras de neoprene
(Foto: @mixxonlineshopph)

Quanto tempo o vírus fica no tecido?

O tempo que o vírus fica no tecido ainda não foi mensurado pelos pesquisadores. As evidências científicas indicam a sobrevivência do vírus em muitas superfícies em até 72 horas, mas elas não incluem superfícies macias, como a do tecido.

Conheça também o modelo de Mascara estilo motoqueiro.

Estas evidências, segundo a Dra. Lisa Maragakis, médica e diretora sênior de prevenção de infecções no Johns Hopkins Health System, sugerem que é mais difícil se contaminar do vírus a partir de tecidos, e que é mais fácil se contaminar a partir de superfícies rígidas tocadas frequentemente, como maçanetas, botões, etc.

Tal dificuldade se deve também porque muitas pessoas, assim que retornam das ruas, colocam a roupa que estão usando para lavar.

Quais os tecidos recomendados para confecção das máscaras?

Os tecidos mais comuns e recomendados nos estudos de especialistas são o algodão, o tricoline e o TNT.

São opções mais acessíveis e baratas. Ainda assim, para fazer a máscara de proteção, todos devem seguir as especificações da OMS, já mencionadas.

Tecidos de poliéster que possuem porcentagem em algodão também são levados em consideração.

Outros tecidos, como o neoprene, que possuem grande capacidade de filtragem de ar, podem e estão sendo usados para fabricação de máscaras.

O professor Paulo Artaxo, do Instituto de Física (IF) da USP, explicou que o vírus da Covid-19 tem em média 120 nanômetros de tamanho (1 nanômetro é 1 bilhão de vezes menor que 1 metro).

Dessa forma, vale a ressalva da importância de todas as orientações do Ministério da Saúde e da OMS sobre a proteção à doença e o uso das máscaras de proteção.

Leva-se em consideração também de que tecidos com a trama muito aberta, como a lã, não são recomendados.

No mais, além de tantas outras, a principal pergunta desse artigo foi respondida: a máscara de neoprene é eficaz contra o coronavírus.

Veja como produzir sua máscara de neoprene:

Leia também sobre mascaras com elástico atras da cabeça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *